Clínica Vilosa
Clinica médica 
É a mãe de todas especialidades médicas. Há uma frase que diz: a clínica é soberana. O binômio médico / paciente é inevitável. O Ato Médico é obrigatório. Pela resolução do Conselho Federal de Medicina, é proibido atendimento médico por telefone, internet, facebook, whatsapp, entre outros. O objetivo é evitar que médicos ofereçam exclusivamente serviços à distância. Na visão do CFM, a consulta física é insubstituível.
O médico em primeiro lugar precisa de ouvir o paciente e na impossibilidade o familiar ou intérprete que o acompanha, em casos da comunicação em libras ou língua estrangeira, para saber qual o incômodo deste paciente, apesar da impressão diagnóstica que o médico possa já ter desde que vê e percebe pela deambulação e comunicação verbal do paciente, mesmo antes de começar a consulta.
Ao cumprimentar um paciente na entrada do consultório, o médico pela cultura da semiologia que o acompanha desde a sua formação, percebe imediatamente a paralisia facial, a hemiplegia ou hemiparesia, o andar disbásico, o timbre da voz cardíaca, a posição anti álgica de um paciente com apendicite ou cólica renal, dos movimentos do esforço respiratório de um paciente com bronquite, asma ou mesmo DPOC,  enfim uma série de sinais que melhoram o ambiente da consulta que vai acontecer, pela percepção prévia de um médico dedicado e experimentado. Após essa conversa inicial chamada anamnese, que tem que ser presencial, o médico passa a executar o exame clinico, seguindo os passos da semiologia para cada caso, pedir exames complementares de diagnóstico e prescrição de medicamentos autorizados  pelo Ministério de Saúde e registrados pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA), geralmente remédios alopáticos da indústria farmacêutica nacional e internacional.
Essa é a especialidade em que o  médico pratica a medicina oficial dentro dos princípios aprendidos na universidade e aprimorados na residência médica, ou na prática nesta área de atuação. O médico tem que ser incrito no CRM do estado brasileiro em que pratica a profissão.